Sociedade de Autores Desconhecidos


Sociedade De Autores Desconhecidos é um conto que retrata na trajetória do protagonista, a luta de cada autor que acalenta em seu coração um sonho ardente - escrever e publicar um livro. Em busca deste sonho não se curva a opiniões preconceituosas e arrogantes dos ditadores das formas e das cátedras. Na defesa de um ideal percorre chãos e move montanhas para que o talento e a livre criação prevaleçam antes e acima de tudo.

Leitura imperdível para quem deseja galgar os altos patamares que as letras podem conceber. As sensíveis lições de humanidade têm bom exemplo na fala de um dos personagens:

“A missão de um autor não é vender livros, mas fazer prosperar uma idéia. O autor é aquele que nunca desiste de escrever, vendendo ou não.
Representa para a sociedade a ultima defesa de valores e pensamentos.
As principais ferramentas de um autor são: imaginação, criatividade e talento. Busca em sua jornada, uma idéia que lhe incendeie a alma e seqüestre seu coração. Computadores, canetas, mãos, dedos, papeis, tudo o mais são simples detalhes”.

As mensagens de otimismo e determinação deste conto estão personificadas em cada linha na energia latente das palavras que curam e criam vida.
A única coisa de um autor, que prevalece nesta vida, após sua morte são suas palavras, que uma vez escritas continuam eternamente Palavras.


“A vida é uma obra inacabada do maior e mais desconhecido de todos os autores”
                                                                                                                                       
                                                                                                                                                      João Drummond

Veja o livro em:
http://www.agbook.com.br/book/18654--Sociedade_de_Autores_Desconhecidos