PAULA FERNANDES - UM TALENTO DE SETE LAGOAS

Sete Promessas


Menina meiga,
Olhar claro, cor de mel.
Sorriso tímido,
Sua voz se lança ao vento,
Prá falar de amores que
Conspiram entres as serras.

Vem cantar seus sonhos.

Sonhador é o pequeno colibri,
Que viaja entre sonhos e jardins.
Seresteiro das nossas noites de luar.

Voz suave, cantadora de seus sonhos.
Com um sorriso leve de mineira,
E um jeito de mato que seduz.  

Seu cantar é raio angelical,
Que desperta de um sonho matinal
Sete gotas de orvalho que dormitam
Dentre as pétalas.

Pequenas gotas que num segundo
De sua vida,
Caem da flor e beijam a terra revolvida.
Promessas de amores e paixões.

Vem cantar seus sonhos.


Das lagoas entre as serras vem seu canto,
Que inspiram o poeta em seus versos,
Coração que se rende a sua voz.


Sete gotas de orvalho.
Sete promessas que palpitam
No seio da terra, entre as serras
E brotam no segredo de suas águas.

Vem cantar seus sonhos.


João Drummond